VACINA VENCIDA: VEJA O QUE DIZEM OS MUNICÍPIOS DO VETOR NORTE DA RMBH

Os municípios do Vetor Norte da Região Metropolitana de Belo Horizonte negam ter aplicado doses vencidas de vacinas contra a covid-19. Os esclarecimentos foram publicados nas redes sociais da Prefeitura de Pedro Leopoldo, Matozinhos, Lagoa Santa e Sete Lagoas.

Uma reportagem da Folha de S. Paulo, com base nos dados do Ministério da Saúde, apontou a utilização de imunizantes fora da validade em 1.532 cidades do país. Cidades no Vetor Norte: VESPASIANO (2 doses); PEDRO LEOPOLDO (3 doses); LAGOA SANTA (1 dose); SETE LAGOAS (3 doses); RIBEIRAO DAS NEVES (1 dose); SANTA LUZIA (18 doses).

Foto: PMM/Divulgação

 

 

Pedro Leopoldo

Matozinhos

Lagoa Santa

A Prefeitura de Lagoa Santa, através da Secretaria Municipal de Saúde, vem por meio desta, comunicar à população que não houve aplicação de doses de imunizantes vencidos no município. A Central de Imunobiológicos de Lagoa Santa verifica rigorosamente as datas de vencimento de todas as vacinas e confere as informações que constam nas notas fiscais fornecidas pela Secretaria Estadual de Saúde-MG (SES-MG). O frasco da dose da vacina citada, é um frasco com multidoses e foi utilizado em sua totalidade, não sendo possível apenas um paciente ter recebido o imunizante com data de validade vencida.  As aplicações do referido lote, com validade em 31 de maio de 2021, ocorreram nos meses de março e abril de 2021, não havendo assim aplicações pós vencimento. A causa mais provável é de erro no SI-PNI. A equipe de vacinação é treinada para o lançamento nos sistemas de informações referentes à imunização. A SES-MG informou que irá se pronunciar em um Comunicado Oficial na próxima semana.

 

Sete Lagoas

error: