SENAC EM MINAS QUALIFICOU MAIS DE 5 MIL PROFISSIONAIS DA LINHA DE FRENTE CONTRA COVID-19

Desde o início da pandemia, diversas práticas da área da saúde tiveram que ser transformadas e algumas inovações implementadas para adequação aos novos protocolos de prevenção e tratamento da Covid-19. Além disso, houve a necessidade de novas contratações de profissionais que tiveram que integrar equipes já instaladas nas unidades de atendimento à população. O novo cenário e o desafio de preparar funcionários para otimizar o atendimento aos pacientes nesta nova rotina com segurança fizeram com que muitos municípios mineiros recorressem ao Senac.

Ao longo de 2020 e 2021, mais de 60 contratos firmados com os gestores municipais – cujas verbas são destinadas às cidades especificamente para o combate à pandemia – foram executados. As parcerias geraram 235 turmas, impactando 5.477 profissionais, como médicos, enfermeiros e técnicos em enfermagem e fisioterapeutas, além de funcionários das áreas administrativas. A maioria dos treinamentos ocorreu de forma remota, com toda a infraestrutura já adaptada do Senac para o ensino não presencial.

Os participantes receberam conteúdos atualizados sobre a doença e seus respectivos protocolos. “Por meio da educação profissional, nesse caso voltada especificamente para os profissionais de saúde, atingimos positivamente a população, ajudando no combate à pandemia”, pontua o Gerente de Relacionamento do Senac, Daniel Pires. Ainda segundo ele, é uma preocupação da instituição levar aos participantes um conteúdo com os protocolos que estão sendo praticados em todo Estado, a fim de deixar as ações de saúde uniformes independente da região, o que é um dos desafios da área nesse período.

(foto: Senac/Divulgação)

 

 

Cuidado 360º

Entre os temas dos workshops e palestras, estão habilidades técnicas do dia a dia e que são vitais para o bom funcionamento das unidades de saúde, como uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), segurança no processo de triagem, higienização dos espaços e ferramentas de trabalho e técnicas de reanimação cardiopulmonar, treinamento para situações de emergência, entre outros.

Também foram abordados tópicos voltados às habilidades comportamentais, como relacionamento interpessoal, tratamento ao público, atendimento humanizado e saúde mental dos próprios profissionais de saúde. A imunização não ficou de fora e também foi tema de treinamento para os profissionais, que tiveram preparação sobre os imunizantes, formas de aplicação, diluição e aplicação de medicamentos.

A agente comunitária de saúde (ACS) da cidade de São José da Lapa (24km de Belo Horizonte) Adriana Breseno de Sousa participou do treinamento de Atendimento Humanizado no primeiro semestre de 2021 e aprovou a iniciativa. “Os treinamentos foram ministrados. Creio que ações deste tipo, como oferecer mais cursos e renovar o conhecimento que nós, agentes de saúde, possuímos, deveriam ser ainda mais difundidas. Isso é um grande passo para gerar mais oportunidades de mudança e aperfeiçoar o atendimento”, afirma, elogiando a metodologia de ensino.

Crédito: Freepik

Já, o Secretário de Saúde de Poços de Caldas, Carlos Mosconi, diz que, com a capacitação, os servidores da cidade puderam se inteirar de práticas de outras regiões do estado: “As capacitações foram ofertadas de forma on-line por instrutores que tiveram domínio do conteúdo e expuseram experiências de outros municípios, o que foi um diferencial. Ter momentos de qualificação e atualização como este empodera e traz mais segurança à nossa equipe, para o cuidado em saúde da população e da saúde dos próprios profissionais”, salienta.

 

 

Novas oportunidades de aprendizado

Segundo o Gerente de Relacionamento Daniel Pires, parcerias como essas, entre os municípios e o Senac para treinamentos, palestras e workshops, seguem sendo firmadas ao longo de 2021, tanto por novos interessados quanto por cidades que buscam repetir a experiência.

Por: Diário do Comércio

error: